8 de dez de 2011

Melhor assim!

Quanto tempo passou
Enquanto delirava
Quantas coisas não disse
Quando podia
Quando queria
Mas não disse
Agora é tarde 
Apenas o que foi dito
Foi ouvido.

Nenhum comentário:

Postar um comentário